Artigos

Advogado de INSS: como escolher o melhor?

Advogado de INSS: como escolher o melhor?

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Como escolher o melhor advogado para questões do INSS?

Vou ser sincero com você: de fato, contratar o profissional de Advocacia não é obrigatório nas questões do INSS!

Isto porque é possível dar entrada em requerimentos de aposentadorias e benefícios “sozinho”, através do próprio site/aplicativo Meu INSS.

Também é possível efetuar o agendamento do seu pedido pela Central 135.

Por outro lado, ao não efetuar a contratação, você pode estar perdendo a chance de se aposentar (ou receber um benefício) em melhores condições!

Afinal, é mais comum o INSS cometer erros do que realmente dar o que é justo ao trabalhador.

Não é (somente) um problema do órgão em si, mas porque muitos pedidos acabam sendo feitos de maneira incompleta!

Por vezes, faltando comprovação do tempo mínimo de contribuição, dentre outros fatores que podem prejudicar a sua renda mensal inicial, ou até o deferimento do pedido.

Além disso, é provável que você seja indicado a se aposentar por uma forma não tão benéfica quanto a que deveria ser!

Infelizmente, o INSS tem que pensar no interesse público acima de tudo!

Com isso, não é obrigação do órgão avisar quando ocorre algum erro, deixando para o trabalhador perceber por si só ou através da contratação de especialista, quando for possível.

Se você é cidadão comum, já parou para pensar em quantas regras de aposentadorias e benefícios existem?

Agora multiplica isso pelo triplo do que você achou agora que estamos no contexto após a Reforma da Previdência!

O assunto é tão complexo, que existe uma parte do Direito dedicada apenas para estudar as questões relativas ao INSS e outras modalidades de previdência: o direito previdenciário!

Logo, não é todo advogado que conhece tais regras, devendo-se ter muita atenção na hora de contratar um especialista da área.

Para te ajudar a escolher o melhor profissional, listamos as principais características a serem buscadas na hora de contratar um especialista nas questões relativas ao INSS.

Acompanhe! 

Proatividade (Iniciativa)

A proatividade é uma característica de quem “corre atrás” de uma mudança positiva antes mesmo de ser provocado.

Logo, o profissional ideal para lidar com questões do INSS deve ter um espírito de iniciativa, de modo a permitir antecipar seus movimentos em relação ao que pode acontecer no processo.

Com isso, seu processo possui mais chances de sair em tempo hábil e com menos sofrimento ocasionado pela demora do INSS, o que é frequente!

Caso seu benefício esteja demorando a ser analisado, o profissional pode adotar uma medida conhecida como mandado de segurança, para que aquele pedido de benefício seja apreciado quanto antes.

Logo, existem medidas que podem ser tomadas pelo advogado especialista em previdenciário e que facilitam na questão de agilidade para recebimento da aposentadoria ou benefício.

Por isso, os atributos de iniciativa e proatividade podem e devem ser considerados para saber se fez a coisa certa ao contratar aquele profissional!

Atenção (Disponibilidade)

Imagine a frustração que é lidar com alguém que foi contratado justamente para tirar as dúvidas que forem necessárias, mas deixa a desejar no quesito de atenção!

Por se tratar de uma área muito específica no Direito, em que nem todos se arriscam atuar, é comum o especialista em Previdenciário possuir vários casos para lidar diariamente.

O problema em ser uma área rentável  e com bastante demanda, é que nem todo profissional conseguirá dar a atenção devida a todos os clientes!

Nesse ponto,  entendemos que  a contratação do melhor Advogado de INSS  passa pela análise do fator de atenção que você precisa.

Afinal,  se fosse para passar “sufoco” sozinho, você não teria contratado aquele profissional, devendo o mesmo estar de prontidão para atender a suas dúvidas e dar uma palavra de confiança!

Por outro lado, você também deve entender que a rotina do advogado é muito atarefada e nem sempre será possível dar atenção no nível desejado, ou ideal!

Mesmo assim, a atenção pode ser verificada através de outros fatores!

Só o fato de o profissional passar um retorno sobre como está o seu processo e fazendo isso de maneira regular (sem que você pergunte), podemos destacar ser um fator de atenção e, ainda, transparência.

Agora, se você não entra em contato constantemente com aquele profissional,  mas quando faz, é bem atendido, também podemos dizer que foi cumprido o dever de atenção.

Você ficaria espantado com quantos clientes de previdenciário, por aí, são “traumatizados” com advogados anteriores, até de outros assuntos do Direito!

Reconhecemos a culpa da classe, por haver profissionais que não atendem adequadamente seus clientes e só surgem em dois momentos fatídicos: primeiro, na hora de contratar; depois, na hora de receber!

Por isso, haver atenção e disponibilidade do profissional da Advocacia são excelentes fatores que, quando combinados, resultam no atendimento eficaz e prestativo que se busca.

Isto, independente da área de atuação profissional!

Conhecimento: ser especialista em Direito Previdenciário

Conforme já explicamos, não são todos os advogados que atuam na área de aposentadorias e benefícios previdenciários.

Por isso,  se você já tiver contratado advogado particular para outras demandas que não sejam relacionadas ao tema, é muito provável que você esteja lidando com um profissional generalista.

O perfil generalista é mais comum em advogados recém-formados, ou que ainda estão em fase de adquirir experiência.

Apesar de conseguirem lidar com casos mais simples do Direito Previdenciário, é recomendável verificar se realmente possuem a experiência que alegam ter. 

Por outro lado, o que pode acontecer é o profissional da “Advocacia geral” passar o seu caso para um que seja, realmente, especialista da área previdenciária. 

Se for assim, tudo bem! Pois seu processo está nas mãos de quem entende do assunto.

Isto também quer dizer que o profissional generalista decidiu não se “aventurar” em algo que não conhece.

Embora não haja impedimentos para a sua atuação, o risco de contratar um profissional generalista em questões do INSS é que seu benefício pode ser prejudicado em razão da falta de conhecimentos específicos.

Afinal, o Direito Previdenciário é muito vasto e exige dedicação total para oferecer o melhor resultado na análise de benefícios, bem como na adoção de medidas, como recursos e revisões.

Logo, faça uma rápida verificação pelo nome do profissional que pretende contratar, podendo consultar as redes sociais como Instagram e Linkedin.

Quem possui autoridade no tema, costuma desenvolver conteúdos sobre normas e dicas da área.

Assim, é mais provável que seu caso seja bem solucionado pelo perfil especialista em Direito Previdenciário.

Ainda estou em dúvida se devo contratar advogado de INSS! O que fazer?

Sabemos que o seu benefício é algo essencial para a sua sobrevivência, mas não há certeza de que o mesmo seja recebido, ainda que haja a contratação de especialista da área.

Saiba que a Advocacia é considerada “atividade-meio”, e não “atividade-fim”.

Isto quer dizer que o profissional da Advocacia não pode garantir resultados! Do contrário, pode estar sujeito a receber sanções pela OAB.

Comparamos a atividade da Advocacia com a de outro profissional liberal: Medicina.

Você vai ao médico esperando receber o tratamento devido, mas não quer dizer que haja garantia absoluta de o tratamento trazer resultado (embora haja grandes chances disso!).

Por outro lado, se você deixar de ir ao médico, pode ser tarde demais para prevenir ou recuperar o que já está num estágio avançado, prejudicando a sua saúde e a própria vida!

Assim é o trabalho do advogado: atuar como um facilitador (e não, garantidor) do seu pedido de aposentadoria, ou benefício do INSS.

Por isso, quando houver dúvidas sobre a necessidade de contratar especialista em direito previdenciário, realize uma consulta inicial (que pode ser cobrada) sobre o seu caso para tirar as suas próprias conclusões!

Agora que já te passamos as características essenciais da contratação do melhor advogado de INSS, você já consegue definir (mais facilmente) se deve contratar um especialista da área!

▶️ Acompanhe nossas redes sociais: Facebook | Instagram | TikTok

Artigos relacionados

WhatsApp chat