Artigos

5 motivos para pedir o benefício do INSS com a ajuda de um advogado

5 motivos para pedir o benefício do INSS com a ajuda de um advogado

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Nos últimos tempos, o INSS tem se modernizado e criado ferramentas para facilitar a vida de quem precisa de algum benefício da Previdência Social.

Com isso, ficou mais fácil para você acessar os serviços, ver as informações e pedir os benefícios, como auxílio-doença ou acidente, aposentadoria, pensão por morte, auxílio-reclusão e outros.

Preciso de advogado para pedir benefício do INSS?

Não é preciso ter advogado para dar entrada em benefícios do INSS, inclusive, você pode fazer o pedido pela internet, utilizando o aplicativo Meu INSS.

Aqui no blog, já publicamos vários tutoriais para você mesmo pedir o seu benefício. Veja abaixo o link dos principais conteúdos:

Mesmo assim, é altamente recomendado que você busque a ajuda de um advogado especialista em INSS. Isso porque as regras nem sempre são claras e você pode ter problemas no seu benefício.

Com o auxílio do especialista, é possível conseguir o benefício de modo mais fácil, assim, você evita dores de cabeça. Veja agora os 5 principais motivos para você contar com a ajuda de um advogado para pedir o benefício do INSS:

1. Possibilidade de negativa do benefício é menor com a ajuda de advogado

O INSS tem o triste hábito de negar e complicar as possibilidades de você obter o benefício.

Assim, o advogado que já tem contato diário com esse tipo de problema, vai ter mais possibilidade de acertar os detalhes do pedido, seja administrativo ou judicial (se for necessário).

2. Diversidade de benefícios, que exigem um conhecimento específico

Existem várias categorias de aposentadoria e benefícios que podem ser pedidos o INSS e, nem sempre, a documentação que serve para um caso, serve para outro.

Também, pode haver uma documentação específica que não é tão acessível ao trabalhador, mas é facilitado ao advogado que tem um certificado digital para obter documentações em portais do governo, por exemplo.

3. Evitar erros é mais indicado do que corrigir depois da negativa

Se você der entrada num pedido de benefício sem a ajuda de um especialista em Previdência, há grande chance de ter sido realizado de modo incorreto.

Talvez pela ausência de documentação específica, o que pode cair em cumprimento de exigência e, assim, o INSS não tem a boa vontade de notificar você.

Além de não corrigir (ou incluir) o tempo de contribuição que poderia melhorar o seu pedido de benefício, inclusive, para aumentar a sua renda média e o valor do auxílio.

Por isso, é melhor evitar erros do que tentar corrigir depois que o benefício for liberado (ou até mesmo negado), porque os processos de revisão demandam tempo e possíveis gastos judiciais.

4. A ajuda de especialista em INSS evita gastos com processos na Justiça

Se a sua intenção não era ter um gasto a mais ao deixar de contratar advogado para dar entrada em benefício, saiba que o “barato pode sair caro” lá na frente.

Acabei de comentar acima que há chances de o pedido ser negado ou ser liberado de modo não tão favorável quando é feito por quem não entende muito do assunto.

E se isso acontecer, podemos tentar corrigir o erro com um recurso administrativo ou, até mesmo, com uma ação judicial.

No entanto, existem alguns erros que não podem mais ser corrigidos, porque já passou da fase correta de provar as informações no INSS. Assim, nem mesmo na Justiça é possível reverter.

Com isso, deixar de contratar um advogado logo no início do pedido administrativo no INSS pode complicar bastante para você, além de gerar mais problemas no futuro.

5. O advogado pode optar por cobrar somente se ganhar o pedido, logo você não sai perdendo caso o benefício não seja aprovado

Digamos que você contrate um profissional especialista em INSS, e ele faça a proposta para receber apenas se ganhar o seu pedido de benefício.

Então, caso o benefício seja negado no primeiro pedido, você vai ter a certeza de que o profissional contratado vai contestar a decisão para reverter a situação.

Com isso, a chance de o erro ser revertido é maior quando feito por um profissional que já conduz o processo do benefício desde o início.

Mesmo se não tiver o resultado esperado, além de não ter custos, você tem a certeza de que fez o mais indicado: buscar a ajuda de quem entende do assunto.

Sabemos que seu benefício é algo pelo qual você lutou a vida inteira para conseguir; e o advogado atua como um facilitador do seu pedido de benefício do INSS.

É por isso que é altamente recomendado que você busque a ajuda de um advogado especialista em INSS. Ele vai saber te orientar sobre as regras e atuar na busca do seu direito!


>> Acompanhe nossas redes sociais: Facebook e no Instagram.

▶️ Acompanhe nossas redes sociais: Facebook | Instagram | TikTok

Artigos relacionados

WhatsApp chat