Artigos

Saiba como fazer o cadastro no Meu INSS

Saiba como fazer o cadastro no Meu INSS

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

O Meu INSS é uma plataforma online criada pela Previdência Social com o objetivo de facilitar a vida dos trabalhadores que precisam do INSS.

Com a ferramenta, é possível simular a aposentadoria, dar entrada em benefícios, agendar perícias e consultar extrato de pagamentos, o status das solicitações, a carta de concessão do benefício.

Além disso, você consegue acessar todo o seu histórico de trabalho (extrato CNIS) — contendo as contribuições previdenciárias, períodos trabalhados, empregadores, benefícios recebidos e vários outros serviços.

A modernização do INSS foi a solução encontrada pela Previdência para reduzir as filas das agências e tornar a informação mais acessível ao trabalhador através do cadastro na plataforma.

Quem não se lembra das longas filas nas portas das agências da Previdência? Tinha gente que dormia na fila para conseguir atendimento!

Mas a tecnologia ajuda a evitar o deslocamento e o sofrimento de ficar em pé esperando no sol quente. Mesmo assim, apesar de facilitar o atendimento, existe uma enorme fila virtual.

Como fazer o cadastro no Meu INSS?

O cadastro no Meu INSS é simples, inclusive, existem várias formas de fazer esse registro:

  • com o número do CPF e outros dados pessoais
  • validação pelo aplicativo Meu gov.br (se tiver feito o recadastramento do título de eleitor ou a CNH digital)
  • gerando uma senha provisória no site do seu banco
  • autorizando pelo site do Banco do Brasil (caso seja cliente)
  • certificado digital ou em nuvem

Vou comentar agora as principais maneiras de fazer o seu cadastro e acessar o Meu INSS. Acompanhe!

Cadastro no Meu INSS com o CPF

Entre no site meu.inss.gov.br pelo computador ou baixe o aplicativo no seu celular Android ou iOS.

  • Clique em cadastrar senha
  • Clique em ‘Crie sua conta gov.br’ e selecione a opção ‘Número do CPF’

Agora, você precisa informar seus dados pessoais, como número do CPF e nome completo, clique em avançar e preencha os outros dados: nome da mãe, data de nascimento, número do celular, e-mail e outros. Exemplo:

Depois, é preciso confirmar seu e-mail e o número do celular, é possível que o sistema envie um código nesses canais. Confirme e crie sua senha.

Após criar a senha, retorne ao site Meu INSS e clique em ‘Entrar’. Você vai precisar autorizar o compartilhamento dos seus dados do gov.br para o INSS.

Além disso, precisa confirmar informações como o histórico da sua vida de trabalho, incluindo datas e nomes de empresas em que trabalhou. Nesse momento, é bom ter a sua carteira de trabalho por perto.

Assista ao vídeo para saber como fazer de forma bem prática:

Prontinho! Você já pode usar o Meu INSS. Caso erre mais de uma pergunta durante o cadastro, o sistema pode bloquear o acesso por 24 horas. Nessa situação, você precisará aguardar o prazo para tentar novamente.

Ainda existem as alternativas de ligar para o 135, utilizar o internet banking de bancos credenciados ou, em último caso, ir a uma agência do INSS para concluir a inscrição e cadastrar a senha de acesso.

Cadastro no Meu INSS pelo seu banco

Também é possível cadastrar uma senha provisória pelo site de alguns bancos. Depois, você deve acessar o Meu INSS e cadastrar uma senha definitiva.

Confira em quais bancos é possível conseguir a senha provisória do Meu INSS e o passo a passo para o cadastro:

Banco do Brasil

  • 1º Serviços;
  • 2º Previdência Social;
  • 3º Senha Meu INSS;
  • 4º NAI

Banrisul

  • 1º Menu Serviços
  • 2º Criar Código INSS

Banese

  • 1º Internet Banking Banese;
  • 2º Serviços;
  • 3º Gerar Senha Meu INSS (NAI).

Bradesco

  • 1º Outros Serviços
  • 2º Documentos
  • 3º INSS (Cadastrar Código Inicial de Acesso ao Portal Meu INSS) (NAI);

Caixa Econômica Federal

  • 1º Serviço ao Cidadão
  • 2º INSS
  • 3º Gerar Código para Serviço INSS

Itaú

  • 1º Previdência
  • 2º INSS
  • 3º Cadastrar Senha Inicial de Acesso ao Portal Meu INSS

Santander

  • 1º Outros Produtos
  • 2º Demais Serviços
  • 3º NAI (Núcleo de Autenticação Interbancária)

Sicoob

  • 1º Outras opções
  • 2º Previdência Social
  • 3º Senha Meu INSS
  • 4º NAI

Veja como trocar a senha provisória pela definitiva:

Se você tiver problemas ou dificuldades para criar sua senha pelo banco, existe um site do governo com várias informações – clique aqui para acessar.

Clique aqui para conferir outras formas para se cadastrar. Você também pode tirar suas dúvidas ligando para o telefone 135 (segunda a sábado, de 7h às 22h).

Meu INSS durante a pandemia do novo coronavírus

Desde o dia 24 de março de 2020, o atendimento presencial nas unidades do INSS esteve suspenso, em todo o Brasil, até a metade de setembro de 2020.

A medida teve como objetivo evitar o deslocamento de segurados às agências durante o período de isolamento social, para conter a propagação do novo coronavírus.

Por esse motivo, a principal maneira de acessar os serviços da Previdência foi pelo sistema Meu INSS, inclusive, permitindo o envio de atestado para liberar o auxílio-doença.

Concluindo

O Meu INSS veio para modernizar a Previdência Social e agilizar os serviços. Através da plataforma, você pode ser atendimento a distância, fazer agendamentos, acompanhar requerimentos e até solicitar benefícios sem ter de se deslocar até uma agência física.

Se você prefere entrar em contato com o INSS por telefone através do número 135, acesse aqui nosso artigo para saber mais a central de atendimento da Previdência.

Agora, apesar de não ser obrigatório a contratação de um advogado para solicitar e acompanhar os processos, contar com ajuda profissional pode facilitar ainda mais a sua vida.


>> Acompanhe nossas redes sociais: Facebook e no Instagram.

▶️ Acompanhe nossas redes sociais: Facebook | Instagram | TikTok

Artigos relacionados

WhatsApp chat