Artigos

Como emitir o extrato de pagamento mensal INSS? [2020]

Como emitir o extrato de pagamento mensal do INSS? [2020]

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

No sistema Meu INSS, você pode acessar e emitir o extrato do pagamento mensal seu benefício do INSS, como aposentadoria, pensão, auxílio-doença e vários outros.

Talvez você esteja com dúvidas se o pagamento está sendo feito em dia… se o valor está correto, se existem descontos em folha, ou o seu banco está fazendo algum desconto indevido.

Por isso, vou lhe explicar como emitir o extrato de pagamento do INSS ou Histórico de Crédito (HisCre) do INSS.

> Leia: Meu INSS: como fazer o cadastro?

O que é o extrato de pagamento mensal INSS? Como emitir esse documento?

O extrato de pagamento mensal do INSS é muito parecido com o contracheque ou holerite, com ele você tem acesso aos detalhes do seu pagamento.

Nesse documento, você consegue verificar informações financeiras importantes para saber se está tudo certo com o seu benefício.

Você também pode utilizar esse extrato do INSS e a Declaração de Beneficiário do INSS como comprovante de renda, para fazer empréstimo ou alugar um imóvel, por exemplo.

Também, poderá verificar o saldo dos valores recebidos na opção do histórico de crédito, inclusive a data em que foi feito o pagamento.

Você pode acessar o extrato de pagamento do INSS ou Histórico de Crédito (HisCre) pelo sistema Meu INSS:

  • Selecione o período que você quer verificar.

Pronto! Agora é só visualizar o seu extrato ou clicar em Baixar PDF para salvar o documento.

Quais informações aparecem no extrato de pagamento do INSS?

Nesse extrato é possível verificar as suas informações de identificação, como nome, data de nascimento, CPF, NIT e nome da mãe.

Além disso, tem o número do benefício (NB), o nome do benefício, a agência do INSS e a data de início do benefício e do pagamento.

Por fim, consta no extrato o período de referência para o pagamento, o valor líquido, as datas de previsão e de efetivação do pagamento, e a forma em que você receberá (cartão ou conta-corrente/poupança).

Veja o exemplo:

Dentre as informações mais importantes estão os períodos que foram usados como base para fazer o pagamento do seu benefício.

Assim, conforme o exemplo acima, você já consegue saber quais informações vai encontrar no seu extrato do INSS, como:

  • Competência: mês e ano (exemplo: mês 6/2020);
  • Período: data de apuração inicial e final (exemplo: 3/6/2020 a (30/6/2020);
  • Valor líquido: valor fixo mensal em reais (que deve cair na sua conta);
  • Meio de pagamento: se é conta-corrente, poupança ou cartão magnético;
  • Status: se foi depositado, ou não;
  • Previsão do pagamento: data prevista para o depósito (exemplo: 7/7/2020);
  • Data do pagamento: data efetiva do depósito para você (exemplo: 10/7/2020);
  • Crédito invalidado: se o crédito do valor voltou para o INSS, ou não;
  • Isento IR: se o valor é isento do Imposto de Renda, ou não.

Atenção! Os pagamentos acontecem de acordo com o calendário de pagamento anual/mensal publicado pelo INSS.

Então, a ordem será pelo número final do benefício (antes do dígito) e valor recebido (se até um salário ou acima de um salário mínimo).

Por que você precisa ficar atento ao extrato do INSS?

No extrato de pagamentos do INSS, você encontra suas informações financeiras, além de conferir as datas de referência e de pagamento.

Com isso, você fica sabendo se os valores estão corretos, inclusive pode comparar com os valores que recebeu no banco.

Isso porque pode acontecer de o banco descontar eventuais taxas e tarifas sem você saber.

Também, pode confirmar se o INSS está pagando o valor correto do seu benefício, como aposentadoria, pensão, auxílio-doença e vários outros.

>> Acompanhe nossas redes sociais: Facebook e no Instagram.

Artigos relacionados

WhatsApp chat